Acessibilidade

Seinfra alerta motoristas sobre cuidados ao longo da Rodovia AM-070

Com a celeridade das obras na rodovia Manuel Urbano (AM-070), que liga Manaus aos municípios de Iranduba, Manacapuru e Novo Airão, a Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra) ressalta que os motoristas precisam estar atento às sinalizações de advertências ao longo da rodovia para evitar acidentes. A redução da velocidade na via é um dos fatores que precisam ser adotados pela população que trafega diariamente na localidade.

“É necessário cautela por parte dos motoristas que trafegam todos os dias pela rodovia que se encontra com máquinas e trabalhadores ao longo dos trechos que vão do km 34 ao  75. Há sinalização em todos os trechos e é preciso mais atenção porque tem muitas máquinas e homens trabalhando e se não houver cuidado pode ocasionar acidentes”, destacou o secretário da Seinfra, Carlos Henrique Lima.

Ao longo de toda a extensão, a AM-070 recebe frentes de obras em diversas etapas, entre pavimentação, drenagem e terraplanagem. Nenhum trecho da estrada está sem obras. A rodovia possui 78,14 km de extensão e já foram executados 34 quilômetros, nos últimos seis anos. O Governo do Estado está trabalhando para concluir os 43 quilômetros restantes até 2020.

A duplicação da AM-070 faz parte da lista de obras que estavam abandonadas e foram retomadas pelo Governo do Estado nesta gestão.

Obras nos trechos – No trecho do quilômetro 34 ao 40, os trabalhos avançaram na Ponte do Ariaú. Os serviços de recuperação estão sendo realizados na ponte antiga e o tráfego de veículos está sendo realizado pela ponte nova. Além dessa obra, estão ocorrendo os serviços de pavimentação, asfalto, reciclagem e base e sub-base.

No trecho compreendido entre os quilômetros 49 a 52, os serviços são de terraplenagem. No trecho que vai do quilômetro 73 a 78 está ocorrendo o serviço de pavimentação asfáltica. Na região do balneário do Miriti, as obras de duplicação foram finalizadas e os trabalhos estão sendo realizadas atualmente na pista antiga. As obras devem ser finalizadas até o final deste mês.

FOTOS: Herick Pereira/Seinfra


Reportar Erro